PADRE MIGUEL

26 04 2015

A Transportes Padre Miguel, única empresa que não do município do Rio de Janeiro que não utiliza a pintura padronizada, renova a sua frota trazendo algumas unidades do modelo Foz Super da encarroçadora paulista Caio.

Montados sobre o chassi Mercedes-Benz OF-1418, os veículos tem como origem as empresas Novacap e Nossa Senhora de Lourdes. As novidades da Padre Miguel já se encontram em operação na variante da linha 856 Marechal Hermes X Campo Grande, aproveitando a oportunidade do encerramento de atividades da empresa Rio Rotas, que operava a linha 786 que faz o mesmo percurso da 856.

Atualmente, a 786 vem sendo operada precariamente com poucos veículos e intervalos espaçados, o que fez a Padre Miguel aproveitar a oportunidade de operar no trecho. Texto: JC Barboza

Fotos: Rodrigo Gomes





SAMPAIO

21 04 2015

A Viação Sampaio, componente do Grupo Guanabara, deu início a sua renovação de frota de 2015. A empresa realiza rotas entre os estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, concentrando-se na área do Vale do Paraíba e Sul de Minas.

O modelo escolhido para a renovação de frota 2015 da Sampaio, em especial para o seu serviço executivo, foi o Marcopolo Paradiso G7 1200. São 4 unidades, encarroçadas sob o chassi O-500RS Bluetec5 da Mercedes-Benz. Os ônibus possuem o comprimento de 14 metros.

Os novos veículos possuem 46 poltronas com descanso de pernas, além de itens como WC, ar condicionado e TV.

Está incluída também na renovação de frota a encomenda de um Comil Campione DD, que assim como o da UTIL, virá com pintura temática. O carro deve chegar ainda nos próximos meses.

Texto: Josivandro Avelar
Fotos: Rodrigo Gomes





CAMPO GRANDE

20 04 2015

Desde o fim das operações das viações Andorinha e Rio Rotas, o transporte da Zona Oeste tem passado por várias mudanças em sua composição. A mais recente foi a operação total da Transportes Campo Grande no trio 846/847 e 848, linhas que ligam as localidades no entorno das estradas do Pré, Cabuçú, e Lameirão ao centro de Campo Grande, e que vinham sendo operadas em pool entre a empresa e a Viação Jabour. Essas linhas, que ficaram marcadas por anos de operação da Santa Sofia, e mais recentemente pela passagem da Ocidental e da Rio Rotas, outrora já foram operadas pela própria Campo Grande, que tem aproveitado o cenário recente para expandir suas operações no bairro que lhe dá nome. Escalados para operação das 3 linhas estão os 10 Foz Super recém-chegados da Novacap, que operam em conjunto com os GranMidi originais da empresa, e os micros Foz, oriundos da Viação Jabour.

Texto: Gustavo Bayde

Fotos: Rodrigo Gomes





VB

20 04 2015

VB TRANSPORTES LTDA. – CAMPINAS/SP

CAIO MILLENIUM BRT

VOLVO B340M EURO V





TRÊS AMIGOS

18 04 2015

AUTO VIAÇÃO TRÊS AMIGOS S/A – RIO DE JANEIRO/RJ

MARCOPOLO TORINO 2014

MBB OF-1721L EURO V





GONÇALVES

17 04 2015

Continuando a renovação de frota prometida pelas empresas de São Luís, a qual deve girar em torno de 250 veículos ao longo do ano, a Viação Gonçalves, uma das empresas operadoras do sistema ludovicense, dá a sua contribuição para o cumprimento da meta de renovação estabelecida pelas empresas.

A empresa adquiriu unidades do modelo Marcopolo New Torino, sob o chassi OF-1721 Bluetec5. Os veículos renovam a frota que roda no Consórcio Rio Anil, cujos ônibus são identificados com a cor branca.

A aquisição feita pela Gonçalves é mais uma entre as movimentações das empresas de São Luís visando a redução da idade média da frota, bem como a melhoria da qualidade de um sistema onde até pouco tempo atrás, era comum ver carros com mais de 15 anos de uso rodando. Cerca de 200 novos ônibus foram entregues à população de São Luís entre novembro do ano passado até aqui.

A capital do Maranhão possui 1.107 ônibus em circulação no sistema.





EXPANSÃO GRUPO REDENTOR – LINHAS 811 E 812

17 04 2015

Depois de assumir as linhas 731, 737 e SV790 oriundas da Viação Andorinha que desde o mês de março deixou de operar, o Grupo Redentor assume mais três outras linhas vindas da mesma empresa que são elas a 784, 811 e 812. As linhas chegaram a ser operada recentemente pelas empresas Transportes Campo Grande e Auto Viação Bangu, mas foram assumidas pela Transportes Barra que está operando as referidas linhas com veículos próprios e emprestados pela Transportes Futuro que também faz parte do Grupo Redentor. A princípio a operação será feita com três carros na 811, cinco na 812 e dois na 784. Com isso, o Grupo Redentor, que completa em 2015, 65 anos, expande ainda mais sua área de atuação e ainda voltando a operar na região em que ela iniciou seus serviços no início dos anos 50.








Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 356 outros seguidores